Search
  • Endossa/Bsb

Como profissionalizar a minha marca?

Ano novo, novo ciclo e tempo de tirar as metas do papel. E pra quem planejou começar uma marca ou profissionalizar a que já tem, resolvemos dar uma mãozinha (ajuda Luciano!), sobre os principais pontos para otimizar o seu negócio e ficar ryyyyycahhh!



Por Beatriz Zendersky


Muita gente acha que ter uma marca e vender em lojas colaborativas e em feiras não dá trabalho nenhum (nananinanão!!!). Assim como em qualquer outro seguimento do comércio, criar e manter um pequeno negócio envolve várias questões importantes que precisamos fazer para que a nossa marca se consolide no mercado. Para começar, a pergunta de 1 milhão de dólares: você sabe o que é branding? Branding é simplesmente a gestão da marca, com o objetivo de torná-la mais conhecida, desejada e positiva. Ou seja, é o conjunto de ações e estratégias de uma empresa, para conquistar os consumidores e fazer com que a marca ganhe visibilidade no mercado. Algo totalmente essencial, néan? Essa fase inclui o planejamento a longo prazo, criação de identidade visual, posicionamento e valores da empresa. Só depois de definir o branding e construir a personalidade da sua marca, podemos dar seguimento e partir para os outros passos. Então vamos lá, seguem os principais pontos para você já começar o ano com o pé direito e fazer o seu negócio decolar! .Organizar pontos de venda online e físicos: Podem ser feiras, vendas online (e-commerce ou pelas redes sociais), lojas físicas ou colaborativas. O importante é se organizar direitinho, fazer os planejamentos, estoque, divulgação, etc. Cada ponto de venda tem suas necessidades e é importante estar alinhado e estruturado de acordo com cada um deles. .Logo e identidade visual: A identidade visual envolve toda a parte visual da sua marca. Desde a logo, cores, nome, papelaria, assinatura digital, cartões, embalagens, enfim, tudo que visualmente permeia e identifica a sua marca no mundo. Lembrando que a identidade visual precisa ser forte e coerente com sua empresa, e principalmente, com seu público alvo, transmitindo exatamente a mensagem que você quer passar. É importante destacar que todo o design, mostruário, fotos, flyers impressos e digitais precisam estar de acordo com a sua identidade visual. Não faria sentido mirar no público "consumo consciente" e distribuir embalagens de plástico descartável, por exemplo. .Redes sociais: Segundo o relatório Digital in 2019, feito pela We Are Social em parceria com a Hootsuite, o Brasil foi um dos países com maior aumento no número de usuários nas redes sociais. A pesquisa mostrou que 66% da população brasileira (140 milhões de pessoas) são usuários ativos das redes sociais. Por isso é tão importante estar presente nessa plataforma.Atualmente, para as marcas, a rede mais importante e mais usada é o Instagram. Vale lembrar que, em muitos casos, o ideal é separar o perfil pessoal do profissional. No profissional, publique informações relevantes da empresa: fotos dos produtos, informações sobre pontos de vendas, novas coleções, promoções. Também é fundamental que as redes estejam de acordo com sua identidade visual e possuam linguagem voltada para seu público-alvo. Lembre-se de fazer stories diariamente e postar no feed com frequência, além de manter engajamento com os seguidores, respondendo mensagens e comentários. .Testeira: É aquela plaquinha que identifica a sua marca em lojas colaborativas que possuem espaços definidos. Ela é indispensável, pois guiará o seu cliente à sua caixinha. Podem ser de adesivo, madeira, acrílico, ou outros materiais. O importante é que ela seja visível, de fácil compreensão e se adeque às regras da loja. .Fotos profissionais: "Uma imagem vale mais que mil palavras", que fala né? Então como você quer valorizar seu produto com fotos amadoras feitas com baixa qualidade? Para divulgar sua marca e mostrar seu produto lindão como ele realmente é (seja comida, roupa, acessório ou decoração), as fotos profissionais são indispensáveis! Não adianta fazer tudo certinho e não investir em um bom material fotográfico. Lembre-se que em muitos casos, o primeiro contato que as pessoas terão com o seu produto será por foto. Então, que elas sejam bem lindas e vendam bem o seu peixe. .Definir o público-alvo: Essa é uma das etapas mais importantes no planejamento da marca. Apenas com o público-alvo definido, podemos orientar o posicionamento e ação da marca no mercado, fazer estratégias de marketing para se comunicar de forma eficiente, ter um bom relacionamento com os clientes, criar a identidade visual que transmita a imagem que você quer para a sua marca, e até definir pontos de venda. Bom, a gente sabe que o sucesso não vem da noite para o dia, mas é conquistado com planejamento, organização e muito esforço! Se seguir essas dicas e planejar sua estratégia direitinho, você vai longe! Vai lá e ahaza!!! Foto // Siane Leon para Estúdio Anzol

33 views

Endossa/Bsb
Asa Sul: CLS 306 Bloco A, Loja 30
Asa Norte: CLN 310 Bloco C, Loja 20

Guará: CasaPark, Loja 225

Águas Claras: Rua 28 Norte, lote 07
Brasília DF Brasil 

©2017 by Endossa / BsB. Proudly created with Wix.com